Coisas que o Sebrae não te ensina

O que aprender no Sebrae ?

 

Há tempo para avançar e tempo para retroceder,

Há tempo de agradecer e tempo de pedir desculpas.

Nem sempre o carro vencedor da Fórmula 1 é aquele cujo motor é o mais potente. Geralmente é o carro com melhor equilíbrio entre Chassi, motor e outros componentes.

O melhor Piloto de Fórmula 1 não necessariamente é o mais veloz(somente), e sim aquele que conhecesse o melhor traçado de cada circuito, sabe fazer a melhor escolha dos pneus, sabe quando conversar os pneus e quando tirar o máximo de proveito/potência do carro.

Ninguém deve ser tolo o suficiente para somente acelerar…

Quando um carro de fórmula 1 está com problema de potência no motor, a equipe tenta solucionar esse problema remotamente e mesmo que não consiga, caso a perda de potência não traga problemas de segurança, pedem para que o piloto permaneça na pista.

 

Já um carro sem FREIO imediatamente é avisado ao piloto que ABANDONE A CORRIDA
E a vida é assim. Ora corremos, ora retornamos para corrigirmos algumas coisas, algumas pendências… alguns relacionamentos.

Há quem muito acelere e se fira, há os que muito fream e nunca andam… E há aqueles que conseguem discernir a melhor hora para tudo.

O problema é quando temos de frear não por vontade própria, mas sim por hierarquias, obrigações etc e quando estamos longe dessas obrigações nos sintamos no direito de acelerar em cima de outras pessoas, como se fosse justo descontarmos toda a ira de diversos problemas em cima de alguém.

 

 

cleinte furioso

 

Ninguém é saco de pancada de ninguém…

 

Já vimos muitos executivos que faziam inveja de tanta elegância, mas depois vimos também um lado nada amigável quando de repente tivemos de falar um NÃO , seja para um horário fora do atendimento, seja para um prazo que seria impossível cumprirmos…

 

No mundo que vivemos é difícil medirmos o sucesso de uma pessoa não tão somente pelas conquistas financeiras, ao passo que se família e casamento tivesse preço talvez muitos milionários mudassem o lado da balança e tornar-se-iam pobres e ou até miseráveis.

 

As cobranças profissionais tem sido tão absurdas que nós ( todo ser humano) está definhando em suas emoções , causando brigas, separações, vícios e toda uma série de patologias nunca vista antes.  Estamos ficando doentes e sem tempo de tratamento.   Ou choramos e ficamos para trás ou engolimos o choro e seguimos em frente como se tivesse tudo bem.

 

Coisas que o Sebrae não conta :

 

coisas que o sebrae nao te conta

 

 

Quando a pessoa pensa em abrir uma empresa ela JAMAIS IMAGINA que todo problema com funcionários ( e seus familiares) serão problema dele, dos clientes, do comércio.   Um exemplo disso?

 

Que culpa tem o dono de um comércio/empresa se um filho de uma funcionária for preso por cometer algum crime?  Culpa alguma… mas o que você acha que acontece quando uma funcionária sua recebe um telefonema de que o filho foi preso?   Ela consegue agir com frieza ou o desespero toma conta e ela sai imediatamente para resolver?

 

E quando um filho de funcionário sofre acidente de moto?  Novamente o dono não tem culpa, mas a pessoa irá se ausentar pra socorrer o filho…

 

E sabe o que acontece quando você liga para seus clientes afim de pedir um prazo maior de entrega?

 

cliente chateado

 

Claro que varia de acordo com o segmento, mas algumas respostas que já recebemos.

 

Olha… sinto muito mas vocês garantiram que me entregariam em tal dia. Então veja aí com outras funcionárias pra me entregar ( isso em caso de falecimento de familiares)…

 

Bem… eu preciso pra tal data e não há como falhar pois serei madrinha de casamento, serei padrinho…

 

Cada um com seus problemas… entendo vocês mas preciso das minhas roupas pra viajar e por favor façam direito.

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

Portanto vivemos num mundo onde o dono do negócio tem de ser frio.  Ou então ele adoece.   O dono fica dividido entre Governo, clientes, funcionários, fornecedores…

 

Realmente o dono é o centro das atenções… Estão todos cercando-o bem ao centro e ele não tem como correr.

 

E com tudo isso( e muitos outros exemplos que poderíamos dar aqui), ainda é normal  ouvir de clientes que o lugar tá muito ” careiro”, que o preço tá muito alto.   Mas só o dono sabe das diversas horas extras que terá de pagar quando acontecer algum imprevisto com um familiar de um funcionário, sendo que ele não tem nada a ver, muitas vezes nunca nem viu o familiar do funcionário.

 

Então ser dono de um negócio é muito mais do que Canvas, do que Planejamento estratégico, de Planilhas… Há que se levar em conta que administrará pessoas, e essas por sua vez tem vidas, tem parentes, tem problemas…  Como se o dono fosse um ser Mitológico imune aos problemas de finanças, de casamento, de família… de Saúde.   Por falar em saúde, o que será que acontece com quem trabalha com a mente por mais de 14 horas por dia, inclusive aos finais de semana?

 

Falando francamente… Só fala mal de ” patrão” quem nunca foi patrão.  Pois quem já foi e não é mais, é porquê não aguentou o tranco.  E quem nunca foi, não sabe o que é pagar por cada folha de sulfite, por cada cafezinho, cada clips, cada post-it …

 

Feliz daquele que consegue vender mágica ao cliente onde o preço será super barato, o trabalho super bem executado e o prazo menor possível.   Particularmente como clientes de outros locais eu nunca conseguí a proeza de ser beneficiado com um ótimo produto ou serviço, com um preço super baixo, e um prazo super curto.  Parabéns a quem consegue ter os melhores materiais e pagar super barato aos fornecedores, pois aqui na Ellegancy costuras a cada compra que fazemos de fornecedores o preço aumenta…  As taxas bancárias quando não sobem, elas ” aparecem” sem serem avisadas por sistemas bancários inescrupulosos, onde pagamos sempre a mais.

 

O Sebrae também não informa que há um mercado feroz de imobiliárias que querem que o até então empregado( agora ex empregado de qualquer empresa) se torne o novo empreendedor, aquele que vai abrir seu próprio negócio e vai ” arrebentar” de ganhar dinheiro.    O máximo que temos de dados bem divulgados é a falência no primeiro ano de vida de qualquer empresa.  Pelo contrário, os dados inflados são mencionando que o Brasil é o Celeiro dos Empreendedores”, pois por aqui o número de empresas abertas é maior do que em vários Países da Europa e Estados Unidos.

 

Lógico que é…  são centenas de milhares de pessoas que não querem mais ter ” patrão” pra encher o saco, que agora quer abrir o próprio negócio para ter a ” independência financeira”… Triste ilusão.   Mal sabem que a partir do momento que se abre uma empresa você terá um sócio bandido que é o Governo Federal, e outros bandidos menores como órgãos Municipais e estaduais.     E que cada cliente será seu Patrão, e se ele não gostar de você, não mais pagará o seu ” salário”, que são as vendas dos seus produtos ou serviços. E se você assinar o contrato de aluguel de um determinado imóvel e não conseguir honrar,  pode acreditar que as cobranças virão… E isso é justo.

 

 

Ser dono é ser um eterno ” equilibrador de pratos” não só na sua empresa, mas principalmente em sua vida pessoal pois você levará sim serviço pra casa, e não se iluda com os que falam que conseguem dividir vida pessoal e vida profissional.  Basta ver o número cada vez maior de divórcios entre pessoas com grau maior na hierarquia de uma empresa.   Aos donos de comércio então… os números serão alarmantes.

 

Essa postagem foi somente um desabafo pois temos atendido muitas pessoas que querem que façamos mágica em trabalharmos praticamente de graça, para atendermos em horários fora do comum e com uma qualidade que nem um Estilista Ricardo Almeida conseguiria atingir.

 

Um grande abraço.

 

Ps: O Sebrae foi só um exemplo pois é um órgão sério, criterioso, cujo nome por si só já atribui o que há de melhor no Empreendedorismo Brasileiro.

Leave a comment